segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Lugares perfeitos para sua lua de mel!!




A lua de mel pede uma viagem que marque a vida dos pombinhos para sempre e, para que a trip dos recém-casados seja mesmo inesquecível, na hora de escolher o destino, o casal precisa caprichar. E quais são os melhores lugares para lua de mel? O destino perfeito para viajar na lua de mel é aquele no qual o casal terá como pano fundo belos cenários que pulsem inspiração e romance. Na dica de hoje trago praias paradisíacas e praticamente desertas para quem quiser privacidade e tranquilidade, e também os destinos badalados para os casais que preferem lugares para lua de mel mais animados.

Lua de mel na Suíça… brasileira!
Imagine um destino charmoso, com um “q” europeu na arquitetura, na gastronomia e nas temperaturas. Agora, pensa que este destino dos sonhos está situado em terras tupiniquins, mais precisamente a apenas 170 km da capital de São Paulo. Sim, Campos do Jordão, a Suíça que os brasileiros chamam de sua, é uma das minhas dicas de lugares para lua de mel. Por que? Quer mais romantismo que saborear um fondue em um restaurante à luz de velas, andar de mãos dadas pelas charmosas construções com arquitetura europeia, namorar à beira do Lago Negro ou curtir um passeio nos pedalinhos em formato de cisne… E, depois de um dia de passeios, voltar para o aconchego de suas românticas hospedagens com lareira e hidromassagem.

Rio de Janeiro para badalar na lua de mel
Que o Rio de Janeiro também rende paisagens estonteantes não é segredo para ninguém, mas o que pode assustar os casais em busca de tranquilos lugares para lua de mel é a movimentação da Cidade Maravilhosa. Para esses casais, recomendo que pule este parágrafo. Já os pombinhos que não ligam em dividir a praia com mais turistas durante a trip romântica, o Rio de Janeiro pode ser uma ótima opção de viagem na lua de mel.
Grande, como toda cidade grande, a capital carioca oferece inúmeras opções de restaurantes, bares, boates, passeios diversos e praias lindas e célebres. Ah, mas nem só de praia cheia vive o Rio de Janeiro. Quer mais sossego? Fuja para a prainha, para a Floresta da Tijuca, atravesse a ponte e curta Niterói. Vai por mim, uma viagem ao Rio sempre cai bem! 

Praia do Rosa, uma das mais bonitas do mundo.
Á única praia brasileira a integrar a lista da associação The Most Beautiful Bays in the World, não poderia ficar de fora da lista dos melhores lugares para lua de mel. Seus 2 km de areia branca são poucos frequentados e ainda contam com uma lagoa de águas salgadas e calminhas, bem no meio da praia. Todos os anos, de junho a novembro, é possível avistar baleias francas que aproveitam as águas quentes do litoral para fugir do frio intenso da Antártida.

Phuket: Um dos melhores lugares para lua de mel
Se nas fotografias trocando beijos e grandes sorrisos da lua de mel, os apaixonados quiserem como cenários um mar azulado, molhando areias tão brancas que lembram neve, um dos melhores lugares para lua de mel dos pombinhos é a fascinante Phuket. A ilha tailandesa tem praias para quem prefere movimento, mas também reserva paraísos quase desertos, como a Nai Harn.

Nas ilhas de Angra dos Reis
O destino no litoral do Rio de Janeiro é uma ótima pedida para os recém-casados começarem a vida a dois cercados por ilhas deslumbrantes. Com 365 ilhas e 2 mil praias, Angra dos Reis é um dos mais perfeitos lugares para a lua de mel e um paraíso para os viajantes que gostam de desbravar novos cenários. Vai faltar tempo para descobrir todos os encantos da cidade situada a 170 km da capital carioca, mas passeios para marcar esta lua de mel, com certeza não vão.

Lua de mel animada (ou não) em Morro de São Paulo
Dos tesouros da Bahia, Morro de São Paulo é um valiosíssimo! Além de oferecer praias incríveis, o destino situado na Ilha de Tinharé, a cerca de 450 km de Salvador, tem agito para quem quiser embalar uma noite animada após um dia de mar, mas também garante tranquilidade e praias praticamente desertas. Com quiosques e bares descolados, as praias Primeira e Segunda são os melhores lugares para lua de mel mais animada. Já quanto mais afastado e difícil o acesso, caso das praias Quarta e Quinta, o burburinho vai diminuindo e a paz reina.

Na Bahia com o sossego de Itacaré.
Itacaré é um dos destinos baianos que tem inspiração de sobra para quem procura lugares para lua de mel com um belo e calmo litoral. Situado na Costa do Cacau, ao sul da capital da Bahia, a pequena cidade proporciona aos apaixonados praias lindas e repletas de coqueirais, áreas com Mata Atlântica preservada e até uns charmosos casarões coloniais, herança dos senhores da época de ouro do cacau.

Curaçao: Um dos lugares para lua de mel dos sonhos
Caribe é e sempre será um dos melhores lugares para lua de mel! Ao planejar a trip romântica o casal sempre sonha com os cenários das paradisíacas ilhas caribenhas. E não poderia ser diferente. O que pode ser mais privativo e romântico que curtir dias ao lado de quem você ama, há quilômetros e mais quilômetros de distância da “vida real”? Curaçao, o C do ABC do Caribe tem aquelas praias quase desertas, com mar verdinho e areia branquíssima. Um sonho de consumo que cai perfeitamente bem com uma ocasião tão especial como esta.

Entre os extremos da Praia da Pipa
O litoral potiguar é de deixar qualquer viajante de queixo caído com as paisagens de praias cercadas por imponentes falésias coloridas de Tibau do Sul. Situada a 80 km de Natal, a Praia da Pipa é daqueles destinos há pouco descobertos pelos viajantes, então se equilibra entre um clima ainda rústico e uma estrutura turística crescente que oferece ótimas opções para o casal em lua de mel curtir a noite em um bom restaurante, bar e até com uma baladinha.

Lua de mel na ilha da Magia
Seguindo rumo ao sul do nosso Brasil, mais precisamente na famosa Ilha da Magia, os casais em lua de mel encontram mais cenários lindos, de arrancar suspiros. Floripa, como é chamada carinhosamente, é outro destino que pode render uma lua de mel sossegada, ou animada. Vai depender de qual das 40 praias os pombinhos escolherem para passar seus momentos juntinhos.

fonte: http://www.zarpo.com.br/magazine/10-lugares-para-lua-de-mel/

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Venha curtir momentos especiais e inesquecíveis aqui no Vênus Motel !


06 cuidados que você deve ter ao usar o WhatsApp!




“Me adiciona no whats?”. Se você tem smartphone, provavelmente já ouviu essa frase. O aplicativo de troca de mensagens de texto, imagem e voz tornou-se um dos mais populares do planeta.
Dados divulgados recentemente pela companhia mostram que o aplicativo tem 430 milhões de usuários no mundo todo. O número representa um aumento de 30 milhões desde os últimos dados revelados, em dezembro de 2013.
Os benefícios do WhatsApp são muitos, mas também existem vários cuidados que precisam ser tomados por quem usa o programa.
Como a troca de mensagens é geralmente muito pessoal, ninguém quer um bisbilhoteiro investigando o que foi escrito ali, e muito menos que esses dados caiam nas mãos de um criminoso virtual. Veja o que é possível fazer para evitar problemas.
Apague as suas conversas
Uma das melhores proteções para quem usa o WhatsApp é não transformá-lo em um arquivo da sua vida. Com o tempo, as mensagens se acumulam e viram um prato cheio para curiosos ou pessoas mal-intencionadas. Um jeito bom – e um tanto radical – de evitar que caiam em mãos erradas é apagá-las regularmente.
Por que você acha que o Snapchat já caiu no gosto dos americanos, e vem conquistando espaço no mercado brasileiro? Justamente pelo fato de o aplicativo sumir com as imagens trocadas após dez segundos. Quem viu, viu. Quem não viu, não vê mais.
Bloqueie o smartphone
Outra proteção bastante eficaz contra curiosos é muito simples de se fazer. Basta colocar uma senha de acesso ao smartphone, que pode ser numérica, por reconhecimento de padrão ou biométrica. As opções variam de acordo com o modelo do aparelho.
Cuidado com os grupos
Grupos de mensagens coletivas são um perigo. Como há várias pessoas, pode ter aquele “engraçadinho” que compartilha fotos e vídeos ilegalmente. Lembre-se de que as mensagens podem ser investigadas, se houver um processo judicial. E também pondere antes de escrever ou enviar algo neste grupo, pois há a chance daquele “engraçadinho” encaminhar mensagens suas para outras pessoas. E isto pode causar uma grande dor de cabeça. Desde brigas com namorados até, em casos mais graves, processos criminais.
Não receba arquivos desconhecidos
Recentemente, estava circulando um malware pelo app que anunciava ao usuário que ele tinha uma nova mensagem de voz, e ao clicar no play, a pessoa baixava o arquivo infectado para o smartphone.
Por isto, antes de fazer download de arquivos, verifique se o remetente é conhecido. E fique atento, pois as mensagens de voz aparecem automaticamente após apertar o play. Não há necessidade de clicar em link nenhum para ouvi-las.
E não responda para números desconhecidos. Este também é outro tipo de golpe, no qual o criminoso te manda uma mensagem, e qualquer retorno seu já serve para ele te prejudicar. Ah! Um antivírus, nestes casos, irá ajudá-lo bastante.
Evite Wi-Fi público
Redes públicas de acesso Wi-Fi são perigosas não apenas para quem usa WhatsApp, mas para qualquer tipo de aplicativo que transmita dados pela web. Como a senha é compartilhada, pessoas podem espionar o tráfego. E numa destas, algum desconhecido pode ter acesso às suas conversas.
Certifique-se de que está falando com a pessoa certa
Além de criminosos virtuais, é preciso ter cuidado com aqueles que também agem nas ruas. Há casos de pessoas que têm o celular roubado, e o ladrão troca mensagens com os contatos da vítima fingindo ser ela. O objetivo, claro, é contar uma história fantasiosa para aplicar um golpe. Fique esperto e não passe dados pessoais. Se marcar um encontro, não deixe de confirmá-lo com uma ligação.
Se você é daqueles que não vive sem WhatsApp, é bom ficar ligado nas dicas acima e proteger seu celular. 

fonte:
http://seguranca.uol.com.br/antivirus/dicas/curiosidades/6-cuidados-que-voce-deve-ter-ao-usar-o-whatsapp.html#rmcl

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Nutricionista ensina como deve ser alimentação nestes dias de calor intenso.

 

Nas últimas semanas o calor intenso tem assustado e a tendência é que o calor volte com força e deve bater recordes nos meses de dezembro e janeiro.
Quando o tempo está quente, nosso corpo pede alimentos mais leves. É um processo natural que não depende da nossa vontade, mas que tem explicações químicas e biológicas.
Para saber mais deste assunto, a nutricionista Eliséia Fabiana de Carvalho explicou o que é preciso ingerir nesta época do ano para manter a saúde, e por que nós preferimos os alimentos leves.

 


Quais alimentos devem ser prioridade com este calor?
As frutas, verduras e legumes, pois são ricos em sais minerais, que perdemos através da transpiração, e em vitaminas antioxidantes, como as vitaminas C e E que auxiliam no combate aos radicais livres minimizando os efeitos nocivos do sol sobre a pele, por exemplo, prevenindo o envelhecimento. A recomendação é de pelo menos três a cinco porções de frutas e de 4 a 5 porções de verduras e legumes, diariamente.
Mas o ideal é consumi-los crus ou cozidos, “ao dente”, para não perder as fibras que aumentam a saciedade, ajudando no controle do peso, melhora o funcionamento do intestino, auxiliam no controle do colesterol, glicose e previne o aparecimento de alguns tipos de cânceres.


E o que não se deve ingerir ou o que se deve evitar quando as temperaturas estão muito altas?
Devem ser evitados os alimentos ricos em gorduras, como feijoadas e frituras. Estes alimentos além de contribuírem para elevação do colesterol sanguíneo, tem uma digestão mais difícil, causando desconforto (empachamento), o que reduz o seu rendimento para as atividades do dia a dia.


Quais alimentos ajudam a hidratar o corpo com este tempo que esta fazendo?
O ideal é aumentar a ingestão de água para pelo menos 2 litros por dia. Se a pessoa tem dificuldade em tomar água, ela pode optar por sucos naturais sem açúcar e água de coco. Além disso, pode consumir frutas que tenham mais água, como laranja, melancia e abacaxi. Mas cuidado se você é diabético, pois apesar de saudável, estes alimentos contêm açúcar (frutose) que aumenta a glicose, por isso, consuma com moderação.


A água de coco é um bom aliado para se manter hidratado?
Sim, pois ele é rico em sais minerais, como sódio e potássio que perdemos através do suor. Também é interessante utilizá-la durante e após atividade física, para evitar a desidratação que reduz o rendimento e aumenta a fadiga muscular.


Com o calor, muitos não dispensam aquela cervejinha. A princípio, ela pode até refrescar, mas e depois? A bebida alcoólica deve ser evitada no calor?
Apesar de a cerveja conter água e sais minerais, tem efeito diurético, ou seja, após consumi-la você vai urinar mais vezes, então acaba aumentando a desidratação do organismo. Mas se você não quer abrir mão de consumi-la, use com moderação, e para cada copo de cerveja ingerida, tome um de água, assim você vai se hidratar, evitando os efeitos da ressaca e vai beber menos, ingerindo menos calorias.


Sorvetes e picolés? Podem ser consumidos à vontade?
Não. O sorvete é rico em gorduras hidrogenadas, que aparece nos rótulos como gordura vegetal, que aumentam o colesterol e o risco de doenças cardiovasculares, portanto, não deve ser consumido diariamente, o ideal seria consumi-los no máximo uma vez por semana. Uma boa dica e congelar as frutas e depois bater com iogurte natural, fica uma delícia, é nutritivo e menos calórico.
O picolé de frutas é uma alternativa mais saudável para se refrescar, mas procure marcas que tenham controle de qualidade, pois também podem ser veículos de doenças, quando fabricados de forma inadequada.


Quais outros cuidados com a alimentação devem ser tomados para evitar desidratação?
Evite ingerir alimentos preparados com maionese e molhos, pois aumentam o risco de intoxicações alimentares. Quando for consumir um alimento que tenha como ingrediente a maionese, deixe para misturá-la no momento de servir e descarte o que sobrou. Se for comer em restaurantes, observe como os alimentos estão sendo expostos, os alimentos devem ser servidos na temperatura ideal, ou seja, os quentes devem estar quentes e os frios, devem realmente estar frios, além disso, devem ter proteção para evitar contaminação por insetos e por erros de manipulação (pessoas conversando sobre a comida, cabelos, dentre outros).


Quais alimentos que têm maior quantidade de água e que devem ser incluídos no cardápio?
A água com certeza é a melhor opção para reidratar, procure tomar no mínimo os 2 litros de água distribuídos ao longo do dia.
E para contribuir com a hidratação utilize frutas, como laranja, melancia, abacaxi, água de coco e hortaliças, como alface, chuchu, pepino, dentre outros.


fonte: http://www.diariodecaratinga.com.br/?p=2012

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Venha curtir momentos especiais e inesquecíveis aqui no Vênus Motel !


O segredo do Casamento! Confira.


Muitas vezes, a correria da vida nos leva a deixar de lado as coisas simples que alimentam as relações, especialmente o casamento. Evitar alguns maus hábitos, bem como realizar alguns gestos nos momentos mais oportunos, podem melhorar significativamente a vida conjugal.

Apresentamos, a seguir, dicas de pequenos atos que produzem enormes benefícios ao casal:

Dedicar tempo à vida a dois
 
Tempo de qualidade, de verdadeira dedicação ao outro, para escutá-lo, conversar e divertir-se juntos. Muitas vezes, os filhos, o trabalho, o lar e demais ocupações vão roubando o tempo do casal, até que esta acabe totalmente esquecida. É questão de propor-se e estabelecer este objetivo como prioridade.

Jamais gritar

Não deixar-se levar pela ira. É melhor ter fortaleza e domínio para controlar a raiva e irritação que se sente nas discussões. O grito é uma agressão, independentemente do que for dito. Moderação, educação e, acima de tudo, respeito.

Mostrar as falhas do outro com carinho

Delicadeza e assertividade são as chaves para dizer ao cônjuge os aspectos nos quais ele precisa melhorar. Ao dizer isso da maneira adequada, o outro será mais receptivo e considerará o comentário como uma sugestão construtiva, ao invés de um “ataque” ofensivo.

Dar o melhor de si

Esta atitude implica em sair do egoísmo para tornar a vida do outro mais leve: buscar agradar, ajudar, cuidar, e também evitar atitudes que possam desagradar ou ofender a outra pessoa.

Agradecer

Poucos conhecem a magnitude que pode ter uma palavra de gratidão na hora certa. Agradecer o cônjuge é dizer-lhe que seu ato tem um valor importante e por isso é retribuído.

Não deixar um problema sem resolver

A humildade é um valor necessário no casamento. É preciso esquecer os ressentimentos e rancores, confiar no outro e abrir-se ao perdão.

Pedir desculpas e reconhecer os próprios erros

Para muitos, pedir desculpas parece humilhante; mas é grande quem reconhece ser uma pessoa com qualidades e defeitos que luta diariamente para superar-se.

Alimentar o amor

Dizer algo carinhoso ao cônjuge todos os dias, cuidar dos detalhes – esses que vão se perdendo com o passar dos anos. Quando falta isso, o casal começa a viver segundo as circunstâncias, e não por amor.



fonte: pt.aleteia.org/2014/06/20/8-dicas-para-melhorar-seu-casamento/

domingo, 11 de outubro de 2015

Outubro Rosa!

Outubro Rosa. Abrace essa causa você também.

Faça parte do movimento internacional de combate ao câncer de mama!

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Venha curtir momentos especiais e inesquecíveis aqui no Vênus Motel !


CONFIANÇA ou O TRISTE PROBLEMA DA SINCERIDADE ?

Exigimos sempre total sinceridade. E quase sempre temos aquilo que pedimos, o que ajuda bastante a aumentar a nossa confiança na outra pessoa. Ou em nós mesmos. 
O problema da sinceridade é quando ela mesma não é a nosso favor. Quando não vem com um elogio, uma palavra de apoio, um aceno de concordância, um sorriso de confirmação. O problema da sinceridade é sempre o mesmo: ninguém estar totalmente preparado para o pior.

Exigimos com frequência que nos digam a verdade. Que confiem em nós. Que nos digam o que pensam. E as perguntas nas quais temos mais esperança são sempre as mesmas:
- Amas-me?
- Tens alguém?
- Envolveste-te com alguém e não queres dizer?
- Tens problemas em ser sincero comigo? Sabes que podes dizer-me tudo.

E a esta última pergunta existe sempre a mesma resposta: NÃO. NÃO PODE.
Ser sincero é como casar. Sim, casar. Exige uma possível maturidade e preparação de ambas as partes, a pessoa que vai dizer o que realmente sente e a pessoa que vai ouvir. Se não estivermos preparados para ouvir o pior, ou no mínimo mentalizados, não podemos nunca exigir a tal sinceridade. 

E por isso muita coisa acaba. Porque exigimos algo que não estamos preparados para receber. Porque só é bom enquanto for a nosso favor, caso contrário causa discussão, afastamento. E atenção que não estou a dizer que devem contar tudo. Há coisas que não se devem dizer a não ser que impliquem sentimentos. E é nisso que toda a gente peca. Achar que a mentira magoa menos. 

Uma verdade, mesmo que seja muito má, é sempre uma verdade e faz-nos seguir em frente. A mentira corrói depois. Porque atrás de uma mentira vem a desconfiança. E atrás da desconfiança vem o medo. E o medo leva a que a pessoa esteja menos preparada. E volta ao início.

Mas ei, que percebo eu disto? Deixei de exigir sinceridade quando me apercebi que toda a gente é viciada em mentiras. Vamos a ver e é uma doença....

fonte: http://sexoecenas.blogspot.com.br/2015/09/confianca-ou-o-triste-problema-da.html