terça-feira, 29 de julho de 2014

Confira 10 dicas para conquistar aquela mulher desejada.





 Muitos homens têm dificuldades para abordar uma mulher desconhecida e conquistá-la. A maioria coloca a culpa em fatores externos, como não ser bonito. Alguns ainda acreditam no mito de que as mulheres só gostam de caras ricos. Se tudo isso fosse verdade, como explicar os vários caras feios que vemos todos os dias de mãos dadas com belas mulheres?


Há, certamente, fatores que influenciam a decisão de uma mulher em estar com um determinado cara ou não. Sabendo quais fatores são esses você pode conquistar uma mulher ainda hoje, mesmo não sendo rico, famoso ou boa pinta.

O fato é que o homem que quiser sair com as melhores fêmeas, quer dizer, com as mulheres mais gatas, inteligentes e interessantes, vai ter que se destacar da maioria. Mulheres assim costumam ser abordadas a todo instante. Numa boate ou festa, por exemplo, pelo menos uns 15 caras chegam nelas.

A boa notícia é que a maioria dos caras não sabe como despertar o interesse dessas mulheres e ser especial no meio da multidão. Apresentaremos então 10 dicas fáceis, para que você comece a conquistar a mulherada ainda hoje.

1. Saiba se vestir

O jogo da paquera começa bem antes da abordagem. Se você se vestir de forma correta, já estará alguns pontos à frente dos outros. Um bom início para começar a se vestir bem é pedir opinião das amigas ao comprar suas roupas. Mulheres normalmente são bem melhores que homens em assuntos de moda e estilo.

2. Seja sociável

Seja o cara que conversa com todo mundo. Assim, quando estiver conversando com uma mulher que lhe interessa, não vai ficar estampado na sua testa que você está dando em cima dela; afinal, você é um cara popular.

3. Tenha amigas

As mulheres passam a te olhar com outros olhos se você estiver acompanhado de outras mulheres. Essa teoria, chamada de pré-seleção, é explicada inclusive pela biologia e pode ser percebida em várias espécies de animais.

4. Na dúvida, aborde

Quando você vir alguma mulher que te agrada na rua, na faculdade, numa boate ou num bar, aborde-a imediatamente. Nada de pensar no que vai falar, de pedir opinião para um amigo ou de adiar. Vá lá antes que você perca a oportunidade.

5. Observe a linguagem corporal delas

Se você não tiver o tipo físico do Rodrigo Santoro, dificilmente as mulheres virão conversar com você. No entanto, é muito comum que as mulheres demonstrem o interesse delas por meio de um olhar, mexendo nos cabelos, deixando a bolsa dela cair perto de você ou mesmo pedindo alguma informação. Saiba identificar isso e, se ela te agradar, não deixe a oportunidade passar.

6. Saia de casa

Se ficar em casa jogando video game, provavelmente nenhuma mulher vai cair no seu sofá. Faculdades, exposições, shoppings, bares, boates e clubes são alguns dos lugares excelentes para encontrar mulheres. Procure conhecer os locais da sua cidade onde é certo encontrar algumas beldades.

7. Faça ela rir

Ser bem humorado é uma das maiores qualidades de quem pretende se tornar um homem de atitude. Todo mundo quer ficar perto de alguém que o faça se sentir bem, e com as mulheres não é diferente. No entanto, ter um bom humor não significa ser um verdadeiro palhaço.

8. Não seja esforçado demais 
 
Ao contrário, esnobe um pouco as mulheres. Não seja o cara que faz tudo que as mulheres querem, que paga bebida para elas ou que fica elogiando a todo instante. Faça a garota ter um certo trabalho para te conquistar também. Ninguém gosta de nada muito fácil.

9. Tópicos interessantes

A conversa não deve parecer uma entrevista, com você perguntando nome, idade e profissão. Saiba falar de assuntos leves e descontraídos, como música, cinema, lugares interessantes… Faça algumas brincadeiras e, até mesmo, a provoque de vez em quando.

10. Aprenda a lidar com a rejeição

Tenha autoestima e autoconfiança inabaláveis. Se uma mulher te der o fora, isso não significa que você não é bom o bastante com as mulheres. Você não tem culpa se ela tem mau gosto, não é mesmo?
Para  você que está iniciando no mundo da sedução, essas dicas já são um bom ponto de partida.

Você pode se tornar irresistivelmente atraente para as mulheres, desenvolvendo suas características e atitudes alfas. Mas o que fazer para ter esse tipo de sucesso e seduzir lindas mulheres? A resposta é simples: você precisa ativar os gatilhos da atração.


fonte: http://atitudedehomem.com.br/10-dicas-para-conquistar-uma-mulher/

Venha curtir momentos especiais e inesquecíveis aqui no Vênus Motel !


sexta-feira, 25 de julho de 2014

Não descuide da camisinha



Quando o assunto é camisinha, você é mais inteligente do que uma colegial? Talvez não. Dados do Ministério da Saúde (MS) mostram que a cada ano de vida a chance de uma pessoa utilizar o preservativo cai 1%. "A faixa etária entre 15 e 24 anos usa mais preservativo em todas as situações, com parceiro casual e fixo", afirma Nara Vieira, técnica do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do MS. Para confirmar que estamos em risco, uma pesquisa do Ibope Mídia mostra que em 2002 60% das mulheres usavam preservativos em novos relacionamentos; em 2010 o número caiu para 49%.

Alto lá! Apesar de a camisinha não oferecer 100% de proteção contra doenças sexualmente transmissíveis, elas são nossa melhor — e única — aposta para ajudar a prevenir clamídia, gonorreia, HPV, HIV e herpes. Nada mau, certo? Então, tolerância zero para parceiros que fazem cara feia. "Uma mulher que se preze deve exigir o uso do preservativo. Se o parceiro não quer, a vontade dele é maior?", questiona o psicoterapeuta sexual Oswaldo Martins Rodrigues Junior, diretor do Instituto Paulista de Sexualidade. Lembre-se de que 10,3 milhões de brasileiros já tiveram algum sinal de DST, segundo o MS.

Fuja do sexo pouco seguro
Dá para entender por que somos passivas em relação à proteção? Uma possibilidade tem a ver com a idade. "Os mais jovens são de uma geração que convive com a discussão sobre o uso da camisinha", sugere Nara. Adultos a partir dos 30 anos estão em relações monogâmicas estáveis, se preocupam menos com infecções sexuais e gravidez e se esquecem do preservativo. Ou seja, namorar firme ou estar casado dá uma falsa sensação de segurança. "Isso tem facilitado a disseminação de doenças ", diz Rodrigues Junior.

Segundo o órgão do governo americano Centers for Disease Control and Prevention, os sintomas de muitas DSTs, incluindo herpes e HPV, podem passar despercebidos (isso quando não há ausência total deles), portanto, a não ser que os dois façam exames, você não sabe se seu parceiro está infectado. Fazer testes é fundamental para garantir o clima de confi ança entre o casal. Então, converse com o amado. E, mesmo que vocês tenham realizado todos os exames possíveis, os especialistas garantem que ainda há espaço para o preservativo na relação.

Aumente o prazer da proteção
Diferentemente da crença, transar com camisinha não significa chupar bala com papel — não, ela não atrapalha nem diminui o tesão. Um estudo publicado no periódico The Journal of Sexual Medicine descobriu que adultos que usam camisinha durante o sexo classificam a experiência como positiva em termos de excitação, prazer e orgasmo tanto quanto os não emborrachados. E vamos combinar: além de perigoso, é para lá de démodé. Basta dar uma passadinha na farmácia para confirmar que hoje elas são bem modernas. A maioria é muito mais fina do que era há dez anos. E estão à disposição em diferentes formas, tamanhos, texturas e aromas — algumas têm anéis vibratórios que estimulam o pênis e o clitóris! Viu só? Coisas boas vêm também em pequenas embalagens.

Sem quebrar o clima
· Deixe uma camisinha sempre perto. Assim, você não tem que sair correndo da cama para fuçar as gavetas.
· Ele fez cara feia? "Se o parceiro não quer, não pode haver penetração", alerta Rodrigues Junior. Quem quebrou o clima foi ele!
· Se é ele que está colocando, aproveite o momento para acariar, elogiar e (por que não?) iniciar uma conversa picante para manter o clima. Fale como ele é gostoso — se tiver intimidade e coragem, elogie o pênis dele. Os homens adoram.
· Você também pode colocar a mão na massa. Enquanto faz isso, acaricie e beije o pênis. Ele não vai reclamar!

Aqui no Vênus Motel, disponibilizamos preservativos em todas as suítes. Para o conforto e a proteção de nossos cliente!!


Women's Health

domingo, 20 de julho de 2014

Sugestões preciosas para esquentar o clima


As linhas abaixo estão recheadas de dicas para você entender mais seu corpo, novas posições e até mesmo o que você precisa comer para incendiar a sua vida sexual!

Se prepare para o sexo
Para ficar pronta para uma noite quente, você precisa estar com a cabeça livre de problemas. Quem cuida disso é a amígdala, uma estrutura em formato de amêndoa no cérebro que controla o processo emocional do medo e da ansiedade. Quer relaxar? Faça  um banho de imersão ou de chuveiro 1 hora antes do rala e rola para que os nervos fiquem sob controle. Deixe o ambiente propício, com luzes mais baixas e música suave. Estudos mostram que o som de uma melodia que toca seu coração tem um poder relaxante psicológico bem profundo.

Suco de romã
Cientistas da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, nos EUA, estudaram essa fruta e descobriram que ela é rica em polifenóis, um antioxidante que melhora a circulação sanguínea — um componente-chave para o bom sexo.



Coxas como pontos erógenos


A parte de trás dos joelhos e o interior das coxas são muito sensíveis também nos homens. Com ele deitado de barriga para baixo, dê lambidas e beije bem devagar cada uma da parte de trás dos joelhos enquanto usa uma das mãos para acariciar o interior das coxas, subindo em direção ao pênis. Já sabe o que vai acontecer, não é?!





Interpretem personagens

Se vestir roupinha de Mamãe Noel for demais, vocês podem fazer de conta que não se conhecem em um bar para esquentar a relação. Cheguem com um intervalo de 15 minutos de diferença em um bar ou boate sem dizer onde estarão. Quando se virem, ajam como estranhos. Entrem num acordo sobre algum sinal que deverá ser dado quando a brincadeira deve acabar. Atenção: esse tipo de coisa só funciona entre casais que confiam um no outro, dizem os especialistas.




Pule no pescoço


Aconchegar-se nessa parte do corpo é sinal de cumplicidade, que o deixa se sentindo seguro e amado. E pode beneficiar o seu próprio excitamento: os feromônios masculinos turbinam o orgasmo da mulher. E é nessa região, onde o pescoço encontra as costas, que há produção natural de feromônios.



Fonte: M de Mulher

terça-feira, 8 de julho de 2014

Confira 10 dicas para uma alimentação saudável !


 
1. Aumente e varie o consumo de frutas, legumes e verduras. Elas são ricas em  vitaminas, minerais e fibras. As vitaminas e  minerais colaboram na manutenção e no bom funcionamento do organismo. E as fibras regulam o funcionamento intestinal, dão sensação de saciedade, e podem atuar prevenindo várias doenças.


2. Coma feijão pelo menos 1 vez ao dia. Varie os tipos de feijões usados e as formas de preparo. Use também outros tipos de leguminosas como soja, grão-de-bico, lentilha, etc. Coma feijão com arroz na proporção de 1 para 2. Esse prato brasileiro é uma combinação completa de proteínas e bom para a saúde!


3. Reduza o consumo de sal. Tire o saleiro da mesa. O sódio é essencial para o bom funcionamento do organismo, mas o excesso pode levar ao aumento da pressão do sangue (hipertensão), e outras doenças. Evite temperos prontos, alimentos enlatados e embutidos. Use ervas frescas para realçar o sabor. 


4. Reduza o consumo de alimentos gordurosos, como carnes com gordura aparente, salsicha, mortadela, frituras e salgadinhos, para no máximo 1 vez por semana. Prefira os alimentos cozidos ou assados, leite e iogurte desnatados e queijos brancos.


5.Faça pelo menos 4 refeições por dia: café da manhã, almoço, jantar e os lanches! Não pule as refeições. Para lanche e sobremesa prefira frutas.


6. Mantenha o seu peso dentro dos limites saudáveis – veja se seu IMC (Índice de Massa Corpórea) está entre 18,5 a 24,9kg/m2. O IMC mostra se seu peso está adequado para a sua altura.


7. Consuma com moderação alimentos ricos em açúcar, como doces, bolos, e biscoitos. Prefira os cereais integrais.  


8. Aprecie sua refeição e coma devagar. Faça de sua refeição um ponto de encontro com a família. Não se alimente assistindo TV ou lendo livros e revistas. Reserve um tempo do seu dia para as refeições fazendo delas, momentos de muito prazer! 


9. Beba água! Muita água! 60% do nosso corpo é formado por água! Portanto, beba em média 2 litros de água (6-8 copos) por dia. Consuma com moderação bebidas alcoólicas e refrigerantes. 1ml de álcool fornece 7kcal!! Prefira sucos de fruta fresca ou polpa congelada.


10. Seja ativo! 
Acumule pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias. Caminhe pelo seu bairro, suba escadas, jogue bola, dance, enfim, mexa-se!!


fonte: http://www.santaluzia.com.br/10passosparaumaalimentacaosaudavel,dept,220.aspx

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Confira os 5 maiores erros que os casais cometem no relacionamento !


Você sabe o que está fazendo de errado no namoro? Especialista te ajuda a descobrir e a resolver!

 

Segundo a especialista em relacionamentos Carla Cecarello, que é psicóloga e sexóloga, os principais erros que homens e mulheres cometem nos relacionamentos são:

Mesmice. O casal não faz mais nada de novo: o relacionamento entrou em uma enorme rotina, nunca há novidade e os dois parecem não ter mais tempo para fazer programas a dois, como ir ao cinema, jantar fora, viajar, passear, namorar ou simplesmente conversar ao final do dia.

Cama fria. Os dois já perderam completamente o interesse sexual. Se ainda resta uma faísca, ela não dá para muita coisa, pois o casal só se dispõe a fazer sexo aos finais de semana, quando não tem de se preocupar em acordar cedo no dia seguinte, e a transa é completamente previsível: os dois sabem como começa, a ordem exata dos movimentos e como vai terminar.

Falta de diálogo. Segundo Carla, é o principal destruidor de relacionamentos. O casal já não expressa o que sente, o que gosta ou não na relação, o que gosta ou não na cama, o que deveria mudar, motivos pelos quais está chateado, problemas no trabalho, razões que levaram à falta de apetite sexual, etc. Além de deixar o parceiro totalmente no escuro, sem saber o que há de errado, a não verbalização de problemas deixa assuntos pendentes, o que pode gerar mágoas e ressentimentos e, aos poucos, minar a relação.

Ciúme. Além da falta de confiança, que por si só pode acabar com o relacionamento, aquele que é vítima do ciúme excessivo acaba sentindo-se mal por pensar que nada do que faz está bom, mesmo fazendo tudo certo. O casal passa a viver em um ambiente tenso que gera constantes brigas e desgaste na relação.

Fatores externos. Desemprego, dificuldades financeiras, discrepância social muito grande entre o casal e diferentes valores no momento de criar os filhos também podem gerar conflitos se não tateados da forma correta.

Para Carla, a base para resolver todas essas questões é o diálogo. Segundo a especialista, o casal que não conversa entre si e não se esforça para propor novidades ao relacionamento inevitavelmente acaba perdendo o interesse sexual.

O acompanhamento psicológico é interessante para modificar o comportamento do casal e também eliminar certas crenças que, graças à falta de conversa, acabam atrapalhando a relação. “Algumas mulheres acreditam que seus parceiros não as amam mais porque se tornaram feias depois de envelhecer, ou porque seus corpos já não são mais os mesmos, o que é um mito. O parceiro, de fato, perdeu o interesse, mas por outros motivos”, defende.

Ainda de acordo com ela, é aconselhável que, no início do tratamento, o casal estabeleça um dia na semana para sair e conversar e, assim, retomar o hábito do diálogo. “Mas isso é só para pegar no breu. Depois, tem de ser uma conversa espontânea”, afirma.

fonte:  https://www.blogger.com/blogger.g?blogID=4272174653110982436#editor/target=post;postID=2153954172995770508