quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Ator delícia Eduardo Coutinho protagoniza ensaio super sexy





Eduardo Coutinho é um dos atores mais gatos da nova geração. Na TV, o belo já participou das novelas "Araguaia" e "Aquele Beijo" da Globo. Coutinho também atuou em dois seriados do canal pago Multishow.
Agora, o moreno se prepara para estrear a peça "Amigos, Amigos, Amores à Parte".  "É uma peça jovem, atual e divertida, que fala de encontros e desencontros do amor", explica o ator e modelo.
O espetáculo, que estreia no primeiro semestre desse ano em Niterói, conta ainda com Daniel Rocha, o Roni de "Avenida Brasil", e as atrizes Julia Faria e Mariana Molina.
Eduardo protagonizou recentemente um ensaio bem hot para as lentes do fotógrafo Lúcio Luna. O resultado você confere no álbum. 





A Capa

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Sorteio da semana

O sortudo da semana passada foi o Roger Pereira, que ganhou a cortesia e vai poder desfrutar 2 horas em qualquer suíte do Vênus Motel.




Se você ainda não ganhou nossa cortesia? Fique atento: toda semana sorteamos cortesias para qualquer uma de nossas suítes! Você pode participar de nossos sorteios de 2 maneiras:
  1. Curta nossa página no facebook, neste endereço: http://www.facebook.com/pages/V%C3%AAnus-Motel/124581354301601      OU
  2. Participe do blog, vá até a página inicialclique em 'PARTICIPAR DESTE SITE' (na lateral direita do blog) e preencha com seus dados.
Obs.: A cortesia tem validade de 7 dias.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Pompoarismo: a arte do prazer




Conheça os exercícios e acessórios do pompoarismo, técnica que irá apimentar sua vida sexual, transformando-a numa deusa na cama


Se você nunca ouviu falar em pompoarismo, está na hora de conhecer o assunto. Isso porque a técnica, criada na Índia e aperfeiçoada na Tailândia, pode fazer milagres por seu corpo. Baseada no controle da contração e do relaxamento dos músculos vaginais, tem benefícios físicos, pois protege da flacidez vaginal, causada pelo envelhecimento ou gestações, e previne doenças como incontinência urinária e cólicas.

Além disso, há vantagens beeem interessantes: os movimentos do pompoar transformam a vida sexual do casal! Veja o passo a passo para você se tornar uma expert erótica!
O passo a passo do pompoarismo
''Em 15 dias, é possível perceber resultados e, em oito meses, dominar a técnica'', afirma a professora Regina Racco. Vale reforçar que o desenvolvimento varia de mulher para mulher e de acordo com o treino.
1. Autoconhecimento

Primeiro, você deve conhecer o próprio corpo. Para isso, explore a região genital usando um espelhinho. Comece massageando a vagina com movimentos suaves e amplos. Não há um roteiro específico a seguir: o objetivo é que você se sinta à vontade e tenha total domínio sobre a região. Quando se sentir bem, passe a contrair e a relaxar a vagina, observando os movimentos no espelho.
2. Músculo no alvo

Está com dificuldade para perceber como deve concentrar a força para contrair a vagina? Um exercício fácil pode ajudá-la: ao fazer xixi, interrompa o jato e conte até dez. Descobriu qual é o músculo a ser trabalhado? Então, agora que já sabe, não repita mais o exercício para não afetar o bom funcionamento da bexiga.
3. Contrações

Elas são essenciais para você conseguir fazer o pompoarismo durante o sexo. Rápida e simples: fique de pé e comece as contrações: ''aperte'' fortemente o canal vaginal e, em seguida, relaxe. Repita 30 vezes. Ao final, inspire e expire profundamente. Esse processo aumenta a libido. Lenta e elevatória: a meta é comprimir todo o canal vaginal aos poucos, como se estivesse sugando algo para o interior do órgão. Pense num zíper sendo fechado: essa sucção deve acontecer da mesma maneira. Vá fechando o canal vaginal de baixo para cima. Depois, de cima para baixo. Prefira fazer isso em frente ao espelho para ver o movimento. Repita três vezes. Vale dizer que as experientes conseguem ''fechar'' o canal vaginal como se ele fosse dividido em três partes - e elas têm total controle sobre cada uma delas. É isso que você deve treinar nesse passo.
Os utensílios da técnica

Bolas tailandesas: leves indicadas para as novatas, fortalecem rapidamente a região vaginal. A força utilizada no exercício deve respeitar a sua capacidade de contração.Colar tailandês: com cinco bolinhas, enfatiza a coordenação para os exercícios. ao introduzi-lo, o canal vaginal se contrai espontaneamente. use-o dez minutos por dia.Bolas Ben-Wa: tem duas ou quatro bolinhas e facilita o movimento de sugar e expulsar o pênis. Recomendado para quem já treina há algum tempo.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Na cama: confira 9 erros masculinos que elas odeiam



Quer causar boa impressão na cama e, quem sabe, conseguir novos encontros com a pretendente? Então, fique atento e fuja de nove grandes erros masculinos, listados pelo site Madame Noire.

1 – Pular preliminares
Mulheres gostam de preliminares. Não seja egoísta. E não se esqueça de beijá-la, de preferência antes, durante e depois.
2 - Sexo mecânico
Não faça sexo de maneira mecânica. Mulheres (e homens) odeiam momentos a dois chatos, metódicos e previsíveis.
3 – Falta de higiene
Provavelmente, ela não vai querer uma segunda vez se o homem estiver sem tomar banho, com hálito ruim, unhas sujas e compridas. Cuide-se.
4 - Sexo bruto ou doloroso
Mulheres preferem movimentos suaves com os dedos. Portanto, tome cuidado quando for manipilar seus mamilos e outras partes sensíveis. Algumas mordidas podem ser interessantes, mas sem machucar.
 5 – Muito quieto ou muito barulhento
A maioria dos homens gosta que as mulheres façam barulho durante o sexo, mas poucos sabem que elas também gostam de saber que eles estão gostando. Mas também não fale demais ou fique perguntando a toda hora “Está gostando disso?”, “O que quer que eu faça?”. Às vezes, o som da respiração mais pesada já é o suficiente.
6 – Palavras picantes
Se vocês estão juntos há pouco tempo e não sabe se ela gosta de palavras picantes e “sujas” na cama, melhor esperar até que se sintam mais confortáveis um com o outro para falar. Mas comece aos poucos, sem exagerar na dose, e analise como ela se sente.
7 – Forçar sexo oral
Nem pense em segurar a cabeça da parceira e guiá-la até sua região genital. Não force o sexo oral. Se ela quiser fazer, sabe o caminho.
8 – Orgasmo muito rápido ou muito tardio
Se você fez um bom trabalho nas preliminares, talvez a ejaculação precoce não a incomode. Mas é melhor corrigir o problema. Também não vale querer prolongar a penetração por 45 minutos, uma hora ou mais, porque pode ficar desconfortável para ela.
9 – Não descartar o preservativo
Depois do sexo, nem pense em deixar a camisinha usada na cama ou em um móvel. Jogue-a no lixo.


Terra

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Sorteio da semana


O sortudo da semana passada foi o Ederzin Santos, que ganhou a cortesia e vai poder desfrutar 2 horas em qualquer suíte do Vênus Motel.




Se você ainda não ganhou nossa cortesia? Fique atento: toda semana sorteamos cortesias para qualquer uma de nossas suítes! Você pode participar de nossos sorteios de 2 maneiras:
  1. Curta nossa página no facebook, neste endereço: http://www.facebook.com/pages/V%C3%AAnus-Motel/124581354301601      OU
  2. Participe do blog, vá até a página inicialclique em 'PARTICIPAR DESTE SITE' (na lateral direita do blog) e preencha com seus dados.
Obs.: A cortesia tem validade de 7 dias.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Injeção pode melhorar desejo sexual masculino, diz estudo




Injeções do hormônio sexual masculino testosterona podem ajudar homens com problemas de baixa libido, segundo estudo divulgado no Huffington Post.Durante a pesquisa, os homens que tomaram cinco injeções relataram uma melhora muito expressiva do desejo sexual, humor, capacidade de concentração e até condicionamento físico. A perda de peso também apareceu na lista dos resultados.
Antes das injeções 64% dos homens pesquisados reclamavam de baixa libido, contra um índice de 10% após o tratamento. Embora o estudo tenha sido realizado com pacientes diagnosticados com uma deficiência nos níveis de testosterona, conhecida por hipogonadismo, especialistas acreditam que um número bem maior de homens poderia ser beneficiado, já que esse hormônio tende a diminuir com a idade.
A testosterona, hormônio produzido pelos testículos, é responsável pelo desenvolvimento das características sexuais masculinas. Ela também mantém a massa muscular e a saúde dos ossos, ajuda o organismo a produzir quantidade suficiente de células vermelhas do sangue e melhora o humor. Os níveis desse hormônio caem com o envelhecimento e cerca de 40% dos homens sofrem com os sintomas da andropausa. Apesar dessa queda ser considerada comum, um a cada 50 homens chega a níveis muito abaixo dos normais, sendo diagnosticado com hipogonadismo.
Alguns especialistas defendem que após certa idade os homens poderiam se beneficiar de suplementos de testosterona em forma de gel ou injeções. Isso funcionaria como uma reposição hormonal similar à realizada por mulheres durante a menopausa. "Se os homens saíssem um pouco do escritório, melhorassem a alimentação, reduzissem a ingestão de bebidas, praticassem atividade física e fizessem tratamento com testosterona teriam mais vigor, vitalidade e poderiam melhorar até a saúde cardiovascular", defende Raj Persad do Instituto de Urologia de Bristol.
Além da queda drástica da proporção de pacientes com baixa libido, as injeções também indicaram uma melhora da pressão arterial e diminuição do colesterol ruim, prevenindo problemas cardíacos. A medida da cintura dos pacientes estudados também reduziu em média 2,54 cm. "Os resultados são impressionantes. A redução da disfunção eréctil foi altamente significativa", disse o endocrinologista Hugh Jones, coautor do relatório.  Para Raj o estudo traz uma esperança para o tratamento de homens com essa síndrome, que sofrem com fadiga, disfunção erétil, perda de libido, ganho de peso, osteoporose, intolerância à glicose e doença cardiovascular.
Terra

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Brasileira que leiloou a virgindade estampa capa da Playboy 2013




Catarina Migliorini, a brasileira que leiloou a virgindade, é capa da revista Playboy de janeiro. Um japonês arrematou a grande noite com a catarinense por US$ 780 mil.

Segundo o site da Playboy, ela contou que o ato seria consumado em pleno ar, mas tudo está aguardando decisão judicial para o acordo ser consumado.

A repercussão em volta do nome de Catarina foi tamanha que até no mundo da moda ela virou notícia.  Em novembro deste ano, no Fashion Rio, a grife TNG resolveu inserir a moça no casting do desfile da marca. Quando ouviu que a novidade seria vista com maus olhos pelos clientes e, diante da rejeição, o diretor da grife decidiu cancelar a participação da catarinense.

Na Austrália, a jovem filma o documentário Virgins Wanted, que narra toda a história do leilão. Em entrevista à apresentadora Ana Maria Braga, Catarina contou que viu a proposta do diretor australiano de produzir um documentário que abordava a virgindade. "Resolvi enviar um e-mail, por impulso. Não imaginei que ele fosse responder", disse ela.





Aquidauana News

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Mulheres conseguem saber se homem trai só de olhar, diz estudo


As mulheres conseguem dizer com precisão se um homem desconhecido é fiel apenas olhando na cara dele. Os homens, no entanto, parecem não ter a mesma capacidade quando observam as mulheres, de acordo com um estudo australiano.
Em um artigo publicado na revista Biology Letters, os pesquisadores descobriram que as mulheres tendem a fazer esse julgamento com base na aparência de masculinidade que os homens têm.
"As avaliações das mulheres sobre a infidelidade mostraram correlações significativas com as medidas de infidelidade real", escreveu o grupo, liderado por Gillian Rhodes, do Centro ARC de Excelência em Cognição e seus Transtornos, da University of Western Australia, em Perth.
"Homens com aparência mais masculina foram avaliados com uma probabilidade maior de serem infiéis e terem uma história sexual de mais infidelidade." 

A atração não foi um fator para as mulheres fazerem a associação.
No estudo, foram mostradas a 34 homens e 34 mulheres fotografias coloridas de 189 faces adultas caucasianas e se pediu que fosse avaliada a fidelidade dessas pessoas.
Os pesquisadores compararam as respostas com as histórias sexuais contadas pelos próprios 189 indivíduos e descobriram que as participantes mulheres eram mais capazes de dizer quem havia sido fiel e quem não tinha.
"Fornecemos a primeira evidência de que os julgamentos de fidelidade, baseados apenas na aparência facial, têm um fundo de verdade", escreveram no artigo.
Os homens, por sua vez, pareciam não ter nenhuma pista. Eles tendiam a perceber as mulheres atraentes e femininas como infiéis, quando não havia evidência de que fossem, observaram os cientistas.
A fidelidade é considerada importante no contexto de relacionamento sexual e de escolha do parceiro, escreveram os cientistas no artigo. Os homens com parceiras infiéis tendem criar o filho de outro homem, enquanto as mulheres com parceiros infiéis correm o risco de perder parte ou mesmo todos os recursos dos pais para as concorrentes.
IG

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Conheça os 10 mandamentos para não fazer feio na hora H



Um site americano brincou que tentar seduzir uma mulher é como ver um filme do M. Night Shyamalan (o diretor de O Sexto Sentido) porque por duas horas você acha que é uma coisa e no final é algo completamente diferente do que pensava. Assim, se você conseguiu passar por toda a trama e chegou finalmente na última parte, aquela que envolve - na maioria das vezes - um quarto e uma cama, não vai querer fazer feio e seu objetivo é sair da coisa como um legítimo deus do sexo. 

O problema é que pequenos detalhes podem destruir sua performance memorável e assim fomos investigar junto às moçoilas quais são as coisas que destroem uma boa noite de luxúria, prazer e volúpia e, por incrível que pareça, existem elementos que apareceram em quase todas as respostas das entrevistadas. Sendo assim, decore a lista ou mantenha uma cópia em sua carteira. Uma hora você vai precisar.

1.Jamais usarás meia na cópula
Parece ser uma unanimidade que homem nenhum pode transar com os pés cobertos, especialmente com meias pretas e mesmo que se chame Hans, Fritz ou Jürgen. Nem se estiver nevando, vá para a cama com uma blusa de lã, mas mantenha os dedos do pé para fora. E já que estamos no quesito roupa, use cuecas limpas, em ordem, pretas ou brancas. Nossas "consultoras" fizeram questão de frizar que amarelo, roxo, vermelho ou vinho são , na cromoterapia sexual, sinônimo de "agora que estou aqui, eu vou, mas não me convide de novo".

2.Respeitarás as preliminares
A menos que você tenha entrado num esquema de rapidinha com a menina, onde a preliminar já aconteceu no amasso, toda mulher demanda em sua noite romântica um momento para aquecer os motores. O que você talvez não saiba é que existem algumas regras. Por exemplo, as mocinhas adoram um homem com barba por fazer para dar aquele ar de cafaja, mas se você praticar sexo oral nela, vai ser como pegar uma lixa d´água número 5 e passar no seu pênis. Outra coisa citada é que enfiar a língua na orelha feminina exige tato e parcimônia, ou seja, saiba se ela gosta primeiro ou você vai ouvir um sonoro "que nojo".

3.Não considerarás que peito é brinquedo
Peito não é bexiga. Se você soprar, ele não infla. Não é massinha de modelar. Se você apertar fortemente ele não fica em uma forma diferente. Não é mamadeira. Supere a fase oral de sua infância. E o bico não é dial de rádio. Não fique girando-os com o dedo, porque você só vai sintonizar a rádio Aonde eu fui amarrar minha égua.

4.Não acharás que seu brinquedo é realmente um brinquedo
Uma reclamação recorrente é o homem que se acha a última bolacha do pacote. Começa se admirando frente ao espelho e depois pratica barbaridades como ficar girando o sabre de luz, desfilar de cueca com o membro para fora e outras coisas extremamente constrangedoras. Uma diretora da Mattel em um documentário sobre a Barbie disse que para eles o Ken é acessório. Dói dizer isso, mas entre quatro paredes você também o é. A moça é que deve receber total atenção.

5.Não comandarás o sexo oral com as mãos
Aqui está mais uma campeã de desagrado para as moçoilas que nos abasteceram de farta sabedoria sexual: segurar a cabeça delas, empurrando-as em direção ao pênis é simplesmente um pesadelo sem fim. Elas sabem onde fica o dito-cujo e obviamente você pode dar dicas para melhorar a performance oral feminina, mas nesse caso uma ação não valerá mais que mil palavras. Em tempo, a Gillette americana fez, há alguns meses, a campanha Aparar o matagal, fará com que sua árvore pareça mais alta e causou polêmica nos EUA. De qualquer maneira, algumas moçoilas afirmaram que uma região bem aparada (não desértica) acaba sendo mais atraente para evitar engasgos, por assim dizer.



6.Não emitirás sons desagradáveis
Eu não tenho a menor ideia do tipo de viking que as moças respondentes estão saindo, mas mais da metade citou os famosos sons causados por gases intestinais. O que podemos recomendar então é nada de repolho, couve, aspargos ou feijão antes da brincadeira.

7.Não pronunciarás nomes erroneamente
Taí um fato que pode fazer com que sua noite se transforme em uma cena de Arraste-me para o Inferno: chamar a garota de outro nome. Se for de uma ex, então é justificativa para cometer seppuku (ou harakiri), o ritual suicida japonês, mas até personagens fictícios estão proibidos. Se seu sonho é transar com a Lara Croft, guarde para você ou fique imaginando que a mocinha é a personagem dos vídeo-games e não conte para ela.

8.Não ficarás quieto demais ou parecerás um urso no cio
Na maioria das vezes sexo é extremamente instintivo e fazemos sons que em sã consciência nos fariam rir embaraçados. E tem aquelas garotas que adoram ouvir uma sacanagem no meio do coito, mesmo que pareçam refugo de filme pornô. Portanto ficar totalmente silencioso, mantendo a respiração controlada é um tremendo banho de água gelada para a menina. Por outro lado, gritar, rugir ou urrar também causam péssima impressão, especialmente se for a primeira vez dos dois. A menos que você fique verde nessas horas, efeito causado por uma experiência científica mal-sucedida, evite. Gritinhos afeminados, comentários inadequados, usar diminutivos para as ferramentas e pedidos estranhos (a menos que você tenha muita intimidade) também devem ficar de fora.

9.Terás bom senso e regularás teu instinto
Tem homens que gostam do famoso fio-terra, já que a área do ânus é repleta de terminações nervosas. A maioria odeia. Do mesmo jeito que tem mulheres que apreciam o coito anal e muitas não podem nem pensar na ideia. A mesma coisa vale para tapas ardidos na bunda feminina. Tem aquelas que adoram e outras que pensam "o cara acha que eu sou um cavalo?". Assim, forçar algo sem saber se a parceira deseja é uma estratégia totalmente errada e vai, sim, queimar seu filme.

10.Não fornicarás, virarás e dormirás
Nós achávamos que isso era lenda urbana, mas a quantidade de meninas que citaram essa prática foi tão grande que dá para acreditar que é verdade. Dave Zinczenko, autor do livro Men, Love and Sex: The Complete User Guide for Women (homens, amor e sexo: o guia do usuário para mulheres), disse que homens dormem porque as mulheres não se transformam em pizza depois do sexo. Pode até parecer real, mas a bioquímica, no entanto, explica o fato dizendo que após o orgasmo uma coquetel de serotonina, oxitocina e outros "ina" são descarregados no cérebro e causa relaxamento e sonolência, mas mesmo assim, o melhor é não arriscar e ficar lépido e saltitante. Em tempo, correr para o banho ou se levantar e por a roupa também constam como imperdoáveis. E aí? Foi bom para você também?

Terra

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Sorteio da semana


Este cartão pode ser seu!



Toda semana sorteamos cortesias para qualquer uma de nossas suítes! Você participa de nossos sorteios de 2 maneiras:

  1. Curta nossa página no facebook, neste endereço: http://www.facebook.com/pages/V%C3%AAnus-Motel/124581354301601      OU
  2. Participe do blog, vá até a página inicial, clique em 'PARTICIPAR DESTE SITE' (na lateral direita do blog) e preencha com seus dados.
Obs.: A cortesia tem validade de 7 dias.

Boa Sorte!!

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Insatisfação com corpo pode diminuir desejo e atrapalhar no sexo




Sexo também é saúde! E se existe algum problema na vida sexual, é natural que isso reflita em outras áreas. Assim como o contrário também é verdade e é possível que as relações passem por momentos nada prazerosos dependendo do que acontecer no psicológico. Por isso a autoestima é muito importante para garantir uma vida sexual saudável.

As meninas que não se mostram satisfeitas com o corpo, dificilmente conseguem liberdade o suficiente na hora H para curtir o momento. “É importante se sentir à vontade para ter prazer. Se isso não acontecer, pode ser que a vida sexual seja muito prejudicada, uma vez que sinônimo de saúde é não ter dor e ter prazer”, alerta o ginecologista Domingos Mantelli Borges Filho, que reforça o quanto fatores psicológicos podem afetar o desempenho.




“Por exemplo, é natural que meninas que sofreram algum trauma ou abuso apresentem vaginismo, que é uma manifestação física de um fator psicológico. O que acontece é que durante a relação, a mulher tem contrações vaginais que não permitem a penetração”, explica.

A regra básica para saber se está tudo bem com a vida sexual é sentir prazer sem incômodo. Se apresentar perda de libido ou sentir dores, é preciso descobrir o que está acontecendo. “O primeiro passo deve ser sempre conversar com o parceiro para tentar resolver. Muitas vezes é possível que a intimidade e a conversa solucionem. Porém, se algum dos sintomas persistir, é hora de procurar um médico, porque é muito importante que o sexo vá bem para que todo o resto também siga o caminho natural”, finaliza o ginecologista.

Bolsa de Mulher

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Ter tempo para o sexo é mais importante que o desejo

ThinkStock

Tá difícil arranjar um tempinho na agenda pra fazer sexo? Segundo uma pesquisa divulgada no Daily Mail, as relações sexuais atuais dependem mais de uma situação ou momento do que do próprio desejo.
A avaliação online, feito pela fabricante de produtos eróticos Lovehoney, revelou que, para mais de um terço das pessoas entrevistadas, o sexo só acontece quando elas têm tempo para encaixá-lo entre a rotina de trabalho e familiar — mesmo que nesses momentos elas não estejam tanto no clima. A pesquisa também mostrou que 23% dos participantes disseram que a disponibilidade de seu parceiro é o principal fator determinante de quando acontecem as relações.
Os resultados revelaram ainda que os casais entrevistados são 13 vezes mais propensos a ter sexo à noite do que no período da tarde. Além disso, 65% dos 300 casais participantes da avaliação disseram que faziam mais sexo à noite, com o horário entre às 23h e 1 da madrugada. Mas, há aqueles que deixam para de manhãzinha, sendo 20% dos entrevistados que disseram que sua hora favorita era no começo do dia, enquanto apenas 5% deles afirmaram que preferem o horário da tarde.
Não surpreendentemente, apenas 28% dos casais entrevistados disseram que tiveram relações sexuais quando eles tinham mais vontade, sendo que o restante dos entrevistados afirmou que escolheram momentos mais convenientes ao invés do desejo sexual.
A especialista em sexo e relacionamento Tracey Cox disse ao Daily Mail: "Isso sugere duas coisas: em primeiro lugar, que nossas vidas são incrivelmente agitadas e estressantes. Em segundo lugar, que não fazemos do sexo uma prioridade. Ele tende a se colocar por último na lista de coisas a fazer, e, consequentemente, é a primeira coisa a ser riscada da agenda, especialmente quando estamos cansadas”.
Tracey ainda afirmou que são necessários energia e tempo para ter um sexo bom. "Fazê-lo tarde da noite, na cama, no final de um dia cansativo não é o ideal para uma relação que visa um grau alto de satisfação sexual”, afirma a especialista.
Mas, ela recomenda que não se deve deixar os momentos íntimos de lado, tentando encaixá-los em horários em que estamos mais dispostas. "Todos nós temos limitações de tempo e de trabalho. Ter relações no meio de uma tarde no fim de semana é uma ótima ideia, principalmente para a satisfação feminina. No meio da tarde é quando estamos com os hormônios sexuais e o desejo mais em alta”, afirma Tracey.
Toda Ela